CÓDIGO: VITAC
EXAME: VITAMINA C
SINÔNIMOS: CBHPM – 40301060, ÁCIDO ASCÓRBICO, VITAMINA ANTI ESCORBÚTICA

MATERIAL: SORO OU PLASMA CONGELADO E PROTEGIDO DA LUZ
MEIO(S) DE COLETA: 
Plasma: Tubo com Heparina (verde).

Amostra alternativa = Soro: Tubo seco (vermelho) ou Gel separador (amarelo)

Transferir e enviar em tubo âmbar de 5 mL.

PRAZO: 8 dias úteis
MÉTODO: CROMATOGRAFIA LÍQUIDA – HPLC

Instruções de preparo
Jejum de 4 horas ou mais.
 À critério do médico fazer a suspensão de suplementos vitamínicos nas 24 horas que antecedem a coleta de sangue para o exame.
 

Instruções de coleta
Coleta VITAC:
O sangue deve ser coletado pela manhã em jejum e antes de qualquer medicação. A amostra deve ser extraída com garroteamento leve e com cuidado para prevenir hemólise, pois esta interfere nos resultados deixando-os muito baixos.
O material ideal para análise é o Plasma com heparina , porém pode ser enviado soro, ambos congelados e protegidos da luz. Outros sistemas de coleta, como o EDTA, causam perda da estabilidade da Vitamina C.

Plasma:  Realizar coleta utilizando o tubo com o anticoagulante correspondente ao exame, homogeneizar, centrifugar a amostra imediatamente, separar o plasma e transferir para o tubo âmbar e congelar.

Soro
Tubo seco: Tubo seco: Realizar coleta utilizando tubo seco. Após retração completa do coágulo, centrifugar a amostra imediatamente, separar o soro transferindo o mesmo para um tubo âmbar

Tubo com gel separador:  :  Homogeneizar imediatamente após a coleta e manter o tubo em repouso verticalmente para a completa retração do coágulo em temperatura ambiente, para evitar hemólise. Após este período, centrifugar a amostra para obtenção do soro (sobrenadante) transferindo o mesmo para um tubo âmbar e congelando imediatamente

*Não recomendamos o envio de amostras envoltas com papel alumínio, pois durante o transporte pode haver o desprendimento e a amostra perder a viabilidade analítica, gerando recoleta.

Instruções de distribuição
Transportar protegido da luz e congelado.
 

Instruções de estabilidade
A amostra é estável por 5 dias congelada.
 

Instruções de rejeição
Amostras recebidas diferente das condições solicitadas em guia.

Interpretação
A vitamina C é essencial para a defesa do organismo, ajuda no combate às infecções e auxilia na formação dos tecidos, pois participa da constituição da parede celular de todas as células do corpo, como ossos, dentes e cartilagens. Também é muito importante no combate às hemorragias e no fortalecimento do sistema imunológico, pois auxilia na absorção do ferro.  O ácido ascórbico está envolvido com o processo de maturação do colágeno, com a síntese de esteróides e com o catabolismo da tirosina. A deficiência de vitamina C causa o escorbuto, que ocasiona sangramento subperiosteal, gengival e subcutâneo, em decorrência da fragilidade do colágeno. Essa condição, no entanto, é atualmente bastante rara em decorrência da ampla oferta de alimentos contendo vitamina C. Ocasionalmente, porém, o escorbuto pode ser observado em indivíduos com hábitos alimentares muito inadequados, ou associado ao alcoolismo e à insuficiência renal. Valores aumentados: nefrolitíase (oxalato de cálcio), uricosúria, aumento da absorção de ferro. Valores diminuídos: escorbuto, anemia hipocrômica, deficiência de folato, anemias, gravidez, alcoolismo, hipertireoidismo, doença reumática, câncer. Interferentes: aspirina , corticotropina , estrógenos , anticoncepcionais.