CÓDIGO: VI125
EXAME: VITAMINA D – 1,25 DIHIDROXI
SINÔNIMOS: CALCITRIOL / 1,25-DIHIDROXICOLECALCIFEROL, CBHPM – 40305015

MATERIAL: SORO
MEIO(S) DE COLETA: Tubo seco (vermelho) ou Gel separador (amarelo)

PRAZO: 3 dias úteis
MÉTODO: QUIMIOLUMINESCÊNCIA

Instruções de preparo
Jejum: Aconselhável de 4 horas.

Instruções de coleta
Tubo seco:
Realizar coleta utilizando tubo seco. Após retração completa do coágulo, centrifugar a amostra, separar o soro e acondicionar corretamente conforme estabelecido para o exame.
Tubo com gel separador:
Homogeneizar imediatamente após a coleta e manter o tubo em repouso verticalmente para a completa retração do coágulo em temperatura ambiente, para evitar hemólise. Após este período, centrifugar a amostra para obtenção do soro (sobrenadante) e acondicionar corretamente conforme estabelecido para o exame.

Instruções de distribuição
Transportar refrigerado (2°C a 8°C).
  

Instruções de estabilidade
A amostra é estável por até 14 dias refrigerada entre 2°C e 8°C.
 

Instruções de rejeição
Amostras recebidas diferente das condições solicitadas em guia.

Interpretação
O termo vitamina D engloba a vitamina D produzida na pele (Vitamina D3 ou colecalciferol) e a vitamina D de origem vegetal (Vitamina D2 ou ergocalciferol). O metabólito 1,25 dihidroxicolecalciferol (calcitriol) é a forma ativa da vitamina D, apresentando meia vida de 4 a 6 horas. Juntamente com a calcitonina e o PTH, regulam o  metabolismo do cálcio. A sua carência é responsável por atraso na mineralização óssea (raquitismo e osteomalácia). Distúrbios da hidroxilação a nível renal levam à deficiência de calcitriol com valores de outro metabólito, o calcidiol (25-hidroxicolecalciferol), normais. Valores baixos de 1,25-hidroxicolecalciferol são encontrados na insuficiência renal e hipoparatireoidismo. Valores elevados de 1,25-hidroxicolecalciferol podem ser encontrados na gravidez, sarcoidose e na intoxicação vitamínica.