CÓDIGO: SCOVE
EXAME:  CORONAVÍRUS 2019 – SARS-COV-2-IMUNOGLOBULINA TOTAL
SINÔNIMOS: COVID19, COVID

MATERIAL: SORO
MEIO(S) DE COLETA: Tubo seco (vermelho) ou Gel separador (amarelo)

PRAZO: 3 dias úteis
MÉTODO: ELETROQUIMIOLUMINESCÊNCIA

Instruções de preparo
Jejum: Aconselhável de 4 horas.

Instruções de coleta
Tubo seco:
Realizar coleta utilizando tubo seco. Após retração completa do coágulo, centrifugar a amostra, separar o soro e acondicionar corretamente conforme estabelecido para o exame.
Tubo com gel separador:
Homogeneizar imediatamente após a coleta e manter o tubo em repouso verticalmente para a completa retração do coágulo em temperatura ambiente, para evitar hemólise. Após este período, centrifugar a amostra para obtenção do soro (sobrenadante) e acondicionar corretamente conforme estabelecido para o exame.

Instruções de distribuição
Transportar refrigerado (2°C a 8°C)
 

Instruções de estabilidade
A amostra é estável por até 7 dias refrigerada entre 2°C e 8°C
 

Instruções de rejeição
Amostras recebidas diferente das condições solicitadas em guia.

Interpretação
O ensaio Elecsys anti-SARS-CoV-2  foi desenvolvido para detectar anticorpos totais contra a proteína N (nucleocapsídeo) do SARS-CoV-2, de pacientes com sinais e sintomas suspeitos de COVID-19 ou em indivíduos que possam ter sido infectados previamente pelo SARS-CoV-2. Define-se COVID-19 como a doença causada pelo novo coronavírus designado agora SARS-CoV-2 (síndrome respiratória aguda grave causada pelo coronavírus 2), primeiramente identificada em dezembro de 2019 durante um surto de doenças respiratórias na China. Os sintomas mais comuns da COVID-19 são febre, cansaço e tosse seca, podendo evoluir para quadros com pneumonia, dificuldade respiratória grave e óbito. O sistema imune do hospedeiro reage à infecção pelo SARS-CoV-2 produzindo anticorpos específicos. A pesquisa de anticorpos totais por este método utiliza o princípio de duplo antígeno para realizar a captura conjunta de todas as classes de imunoglobulinas anti-SARS-CoV-2 num único ensaio, privilegiando aquelas de elevada afinidade e desta forma garantindo alta especificidade ao método, de 98,1%. A sensibilidade deste teste é de 65,5% entre 0 e 6 dias após a confirmação da doença, 88,1% entre 7 e 13 dias e 100% para 14 dias ou mais. A detecção de anticorpos totais em indivíduos normais, sem nenhuma apresentação clínica atual, ou que apresentaram quadro clínico sugestivo de COVID-19 há pelo menos duas semanas atrás, indica exposição prévia ao vírus e possível desenvolvimento de imunidade protetora.