CÓDIGO: LPA
EXAME: LIPOPROTEÍNA A
SINÔNIMOS: CBHPM – 40302210

MATERIAL: SORO
MEIO(S) DE COLETA: Tubo seco (vermelho) ou Gel separador (amarelo)

PRAZO: 4 dias úteis
MÉTODO: NEFELOMETRIA

Instruções de preparo
Jejum: Jejum aconselhável de 4 horas.
 

Instruções de coleta
Tubo seco:
Realizar coleta utilizando tubo seco. Após retração completa do coágulo, centrifugar a amostra, separar o soro e acondicionar corretamente conforme estabelecido para o exame.
Tubo com gel separador:
Homogeneizar imediatamente após a coleta e manter o tubo em repouso verticalmente para a completa retração do coágulo em temperatura ambiente, para evitar hemólise. Após este período, centrifugar a amostra para obtenção do soro (sobrenadante) e acondicionar corretamente conforme estabelecido para o exame.

Instruções de distribuição
Transportar refrigerado (2°C a 8°C).
  

Instruções de estabilidade
A amostra é estável por até 3 dias refrigerada entre 2°C a 8°C.
 

Instruções de rejeição
Amostras recebidas diferente das condições solicitadas em guia.

Interpretação
A Lp(a) é uma lipoproteína idêntica em tamanho e composição a LDL (Low Density Lipoprotein), que migra na eletroforese entre as bandas VLDL e HDL. Essa contém uma Apolipoproteína específica: a Apo(a) fortemente ligada a uma molécula de Apo B100 por uma ponte dissulfeto. A Lp(a) faz parte das lipoproteínas altamente aterogênicas, ou seja, apresenta grande penetração na parede arterial, com resposta inflamatória, formação de células espumosas e radicais livres de oxigênio que levam a formação da placa de aterosclerose. Além disso, o seu componente estrutural similar ao plasminogênio, se liga competitivamente aos seus receptores, resultando em redução da fibrinólise e, portanto, maior risco trombogênico. Altos níveis estão associados ao aumento do risco para infarto do miocárdio e infarto cerebral.