CÓDIGO: HCVQF
EXAME: HEPATITE C – QUANTIFICAÇÃO E GENOTIPAGEM

MATERIAL: PLASMA CONGELADO
MEIO(S) DE COLETA: Tubo PPT ou Vacuette K2 (ambos em EDTA com gel separador)

PRAZO: 10 dias úteis
MÉTODO: PCR EM TEMPO REAL

Instruções de coleta
Coleta HCV:
Realizar coleta utilizando material e tubos de coleta adequados. Imediatamente após a coleta, separar o plasma das células por centrifugação por 10 minutos a 2.200g. Após este procedimento, verificar se o gel separador está bem sedimentado e congelar o material. A coleta no tubo correto é de fundamental importância para a preservação da integridade do RNA viral das amostras. Não aliquotar o plasma após a centrifugação. 

Instruções de distribuição
Transportar congelado (-20°C). Acondicionar o material nas bags (bolsas) roxas disponibilizadas pelo DB, pois possibilitam o envio direto dos exames, maior segurança e estabilidade das amostras.
 

Instruções de estabilidade
A amostra é estável por até 5 dias congelada a -20° C.
 

Instruções de rejeição
Amostras com presença de coágulo, coletadas em tubo inadequado (por exemplo tubo com heparina), tubo em aliquota, tubo vazado, tubo não identificado ou fora do prazo de estabilidade.

Interpretação
O vírus da hepatite C (HCV) é o agente causador de uma infecção no fígado que possui grande tendência para
cronificação, podendo ser classificado em 6 genótipos baseados em sua similaridade genética. Este teste é recomendado para a confirmação diagnóstica da infecção e para o monitoramento da resposta à terapia antiviral além de identificar os 6 genótipos e diferenciar os subtipos 1a e 1b.  Enquanto a carga viral confirma o diagnóstico da infecção e monitora a resposta à terapia antiviral, a genotipagem para HCV é recomendada para determinar a melhor abordagem terapêutica.