CÓDIGO: CITRA
EXAME: CITRATO URINÁRIO
SINÔNIMOS: CBHPM – 40311015, ÁCIDO CÍTRICO

MATERIAL: URINA 24 HORAS COM CONSERVANTE HCL 25%
MEIO(S) DE COLETA: Frasco estéril com conservante

PRAZO: 6 dias úteis
MÉTODO: ESPECTROFOTOMETRIA UV/VIS

Instruções de preparo
Outros: Não fazer esforço físico durante a coleta.
 

Instruções de coleta
Coletar a urina de 24 horas em frasco limpo. Acidificar o volume de 24 horas com 10mL de HCl 25%.
 Encaminhar ao laboratório urina 24 horas fracionada.
 

Instruções de distribuição
Transportar refrigerado (2°C a 8°C).
  

Instruções de estabilidade
A amostra é estável por até 15 dias refrigerada entre 2°C e 8°C.
 

Instruções de rejeição
Amostras sem identificação, inadequadas, insuficientes, recipiente aberto ou danificado serão rejeitadas.

Interpretação
O ácido cítrico previne a formação de cálculos renais uma vez que forma complexos solúveis com o cálcio, diminuindo o cálcio livre. Nos casos em que seus níveis estão diminuídos, hipocitratúria, são verificados em 20-40% dos pacientes formadores de cálculos, seja como distúrbio isolado ou em combinação com outras anormalidades metabólicas. A hipocitratúria pode ser idiopática ou secundária a doença sistêmica como acidose tubular renal, doença diarréica crônica, acidose metabólica, hipocalemia e hipomagnesemia. O citrato administrado via oral leva a um aumento na reabsorção tubular renal de cálcio, promovendo hipocalciúria. A elevação do pH urinário, que acompanha a administração de citrato, aumenta a solubilização do ácido úrico. A suplementação de citrato reduz a taxa de formação de novos cálculos e o crescimento dos cálculos já existentes.  

Esse guia de exames foi útil?