CÓDIGO: ALDO
EXAME: ALDOSTERONA
SINÔNIMOS: CBHPM – 40316050

MATERIAL: SORO
MEIO(S) DE COLETA: Tubo seco (vermelho) ou Gel separador (amarelo)

PRAZO: 3 dias úteis
MÉTODO: QUIMIOLUMINESCÊNCIA

Instruções de preparo
Jejum: Jejum aconselhável de 4 horas.
 

Instruções de coleta
Realizar coleta utilizando material e meio de coleta adequados. Após retração completa do coágulo, centrifugar a amostra e acondicionar corretamente.
 

Instruções de distribuição
Transportar refrigerado (2°C a 8°C).
  

Instruções de estabilidade
A amostra é estável por até 5 dias refrigerada entre 2°C e 8°C. Por períodos maiores manter congelada a -20°C.
 

Instruções de rejeição
Amostras com tubo inadequado, tubo vazado, tubo não identificado ou fora do prazo de estabilidade.

Interpretação
A aldosterona é um hormônio esteróide segregado pelo córtex supra-renal. A função da aldosterona no metabolismo é controlar o sódio e o potássio, regulando o volume de fluidos. A aldosterona atua para diminuir a excreção de sódio e aumentar a excreção de potássio no rim, glândulas sudoríparas e glândulas salivares. A aldosterona também conserva o sódio no cólon. Em cada um destes tecidos, a aldosterona atua ligando-se aos receptores mineralocorticóides e, principalmente, aos ductos colectores corticais do rim. A regulação do equilíbrio de sódio e potássio é conseguida através de um conjunto complexo de hormônios que atuam em vários ciclos de realimentação. Os sistemas renina-angiotensina (RAS) constituem o ciclo de realimentação negativa mais importante para a regulação do volume. O RAS funciona através de um ciclo de realimentação longo (envolvendo alterações no volume do fluido) e de um ciclo de realimentação curto (com inibição directa da secreção da renina pela angiotensina II). O outro ciclo de realimentação que atua em simultâneo é o controle do potássio sérico. Estes ciclos de realimentação de interação atuam em harmonia para definir as concentrações de aldosterona de modo a manter a homeostase para o volume, pressão sanguínea e potássio em resposta a estímulos externos. A aldosterona atua no ducto colector cortical para aumentar a absorção de sódio e diminuir a absorção de potássio. O aumento resultante no volume de fluido e na pressão sanguínea é detectado nas células justaglomerulares secretoras de renina, que diminuem a produção de renina. Com menos renina, é formada menos angiotensina I, pelo que os níveis de angiotensina II baixam. Níveis mais baixos dos estimuladores agudos da secreção de aldosterona conduzem a uma redução na síntese e secreção da aldosterona. A função da aldosterona na regulação da homeostase do potássio é também regulada principalmente pelo ciclo de realimentação negativa. O aumento dos níveis de potássio estimula a produção de aldosterona (a aldosterona diminui a reabsorção do potássio, aumentando a perda de potássio). A subsequente diminuição dos níveis de potássio no plasma resulta em menos estimulação do potássio das células glomerulosas supra-renais e baixa a síntese e secreção da aldosterona.  

Esse guia de exames foi útil?